Concepção de educação de think tanks liberais no Brasil e governamentabilidade neoliberal

Autores

  • Neide César Vargas
  • Rosa Maria Marques

DOI:

https://doi.org/10.23925/1806-9029.v33i2e59993

Palavras-chave:

educação, governamentabilidade neoliberal, privatização extrema, think tanks neoliberais, nova direita

Resumo

Analisa a atuação do Instituto von Mises Brasil e do Instituto Rothbard na conformação de uma governamentalidade neoliberal no Brasil, contribuindo para a internalização, nas instituições e subjetividades, de uma concepção de educação ultraliberal. É um estudo bibliográfico e documental que insere esses think tanks nos processos históricos mundiais e nacionais. O conceito de governamentalidade neoliberal de Dardot e Laval (2016) e sua extensão efetuada por Brown (2019), complementada com o uso crítico de Mises, Hayek e Rothbard, são os filtros utilizados. As principais conclusões indicam que a atuação dessas organizações e sua concepção de educação são parte de um movimento mais global de reação ideológica à crise financeira de 2008 bem como um desdobramento da atuação da nova direita no Brasil. Na educação, essa concepção envolve a desqualificação do ensino público e obrigatório, propondo uma educação centrada em estratégias de privatização extrema.

Referências

BROWN, W.. Nas ruínas do neoliberalismo. São Paulo: Filosófica Politéia, 2019.

CASIMIRO, F. H. C.. A nova direita: aparelhos de ação política e ideológica no Brasil contemporâneo. São Paulo: Expressão Popular, 2018.

CASIMIRO, F. H. C. . Fórum da Liberdade: o grande palco das direitas e do movimento reacionário no Brasil. In: SANTOS, Mayara Aparecida Machado Balestro dos; MIRANDA, João Elter Borges (Orgs.). Nova Direita, Bolsonarismo e Fascismo: reflexões sobre o Brasil. Ponta Grossa: Texto e Contexto, 2020, pp. 84–104.

DARDOT, P.; LAVAL, C.. A nova razão do mundo: ensaios sobre a sociedade neoliberal. São Paulo: Boitempo, 2016.

DIETHELM, Pascal; MCKEE, Martin. Denialism: what is it and how should scientists respond? European Journal of Public Health, Vol. 19, No. 1, 2–4 , 2009.

FOUCAULT, M.. Resumo dos cursos do Collège de France (1970-1982). Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1997.

FRIDERICHS, L. E.. Instituto Liberal e Instituto de Estudos Empresariais: mentores da nova direita neoliberal brasileira. In: SANTOS, Mayara Aparecida Machado Balestro dos; MIRANDA, João Elter Borges (Orgs.). Nova Direita, Bolsonarismo e Fascismo: reflexões sobre o Brasil. Ponta Grossa: Texto e Contexto, 2020, pp. 214–230.

GOBBI, D.. Identidade em ambiente virtual: uma análise da Rede Estudantes Pela Liberdade. 125p. Dissertação (Mestrado em Ciência Política). Programa de Pós-Graduação do Instituto de Ciência Política. Universidade de Brasília. 2016. Disponível em: https://repositorio.unb.br/bitstream/10482/22245/1/2016_DannielGobbiFragadaSilva.pdf. Acesso em: 16 de jul 2020.

GRASS, Claudio. A Escola de Frankfurt, o marxismo cultural, e o politicamente correto como ferramenta de controle. 5/5/2016. https://www.mises.org.br/article/2401/a-escola-de-frankfurt-o-marxismo-cultural-e-o-politicamente-correto-como-ferramenta-de-controle

HAYEK, F.A. von. Os Fundamentos da Liberdade. São Paulo: Visão, 1983. Disponivel em: https://doi.org/10.1017/CBO9781107415324.004, Acesso em 27 abr de 2020.

HAYEK, F. A. von. Freedom, reason, and tradition. Ethics An International Journal Of Social, Political, And Legal Philosophy, LXVIII(4), pp. 229–245, 1958.

HAYEK, F. A. von.. O caminho da servidão. 6. ed. São Paulo: Instituto Mises Brasil, 2010.

MARTINS, M. F. . Educação, cidadania regressiva e movimentos sociais regressivos: o MBL em questão. Crítica Educativa, 4(2), 41–68, 2018.Disponível em: https://doi.org/10.22476/revcted.v4i2.364. Acesso em: 16 de jul de 2020.

MISES, L. Von. Socialism: an economic and sociological analysis. New Haven: Yale University Press, 1962.

MISES, L. Von. Ação Humana: um tratado de economia. São Paulo: Instituto Ludwig von Mises Brasil, 2010. Disponível em: http://rothbardbrasil.com/wp-content/uploads/arquivos/acao-humana.pdf Acesso em: 05 de mai 2020.

MUELLER, Antony. O marxismo cultural e o politicamente correto contra o povo - quem vence? 16/10/2018. https://www.mises.org.br/article/2953/o-marxismo-cultural-e-o-politicamente correto-contra-o-povo--quem-vence

OLIVEIRA, Romualdo Luiz Portela de; BARBOSA, L. M. R.. O neoliberalismo como um dos fundamentos da educação domiciliar. Pro-Posiçoes, 2(83), 193–212, 2017. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/pp/v28n2/0103-7307-pp-28-2-0193.pdf. Acesso em: 28 de mai de 2020.

PATSCHIKI, L. . Olavo de Carvalho: uma biografia. In: SANTOS, Mayara Aparecida Machado Balestro dos; MIRANDA, João Elter Borges (Orgs.). Nova Direita, Bolsonarismo e Fascismo: reflexões sobre o Brasil. Ponta Grossa: Texto e Contexto, 2020, pp. 231–291.

ROCHA, Camila. Direitas em rede: think tanks de direita na América Latina. In: CRUZ, Sebastião Velasco e; KAYSEL, André; CODAS, Gustavo (Orgs.). Direita, volver!: o retorno da direita e o ciclo político brasileiro. São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 2015. pp. 261-278.

ROCHA, C.. “Menos Marx, mais Mises”: uma gênese da nova direita brasileira (2006-2018). 232 p. Tese (doutorado em Ciência Política). Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas. Universidade Estadual de São Paulo, São Paulo, 2018. Disponível em:https://teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8131/tde-19092019-174426/publico/2018_CamilaRocha_VOrig.pdf Acesso em: 19 jun 2019.

ROSA, Pablo Ornelas; ÂNGELO, Vitor Amorim de; MOURÃO, Pedro Jorge Chaves; FERREIRA, C.. Estratégias de constituição de um novo regime de verdade a partir das produções audiovisuais do Brasil Paralelo: uma análise sobre o negacionismo. In: SANTOS, Mayara Aparecida Machado Balestro dos; MIRANDA, João Elter Borges (Orgs.). Nova Direita, Bolsonarismo e Fascismo: reflexões sobre o Brasil. Ponta Grossa: Texto e Contexto, 2020, pp. 292–325.

ROTHBARD, M.. Educação: livre e obrigatória. São Paulo: Instituto Ludwig von Mises Brasil, 2013.

ROTHBARD, M. N. . The Ethics of Liberty (2nd ed.). Press, New York University, 1998. Disponível em: http://bookzz.org/md5/F54F4E49E74DE23353B91C4515DD6651%5Cnpapers2://publication/uuid/03785F85-E189-4288-B642-E7B6325675E4. Acesso em: 20 de set 2020.

SANTOS, Mayara Aparecida Machado Balestro dos; PEREIRA, E.. Brasil Paralelo: atuação, dinâmica e operação: a serviço da extrema-direita (2016-2020). In: SANTOS, Mayara Aparecida Machado Balestro dos; MIRANDA, João Elter Borges (Orgs.). Nova Direita, Bolsonarismo e Fascismo: reflexões sobre o Brasil. Ponta Grossa: Texto e Contexto, 2020, pp. 326–354.

Downloads

Publicado

2022-12-03

Edição

Seção

Artigos